Tempo aproximado: 5 a 15 minutos

Think pair share virtual

Crie um gráfico de assentos virtuais compartilhado com toda sala para implementar atividades rápidas de Think pair share. Com um gráfico de assentos virtuais universal, os professores conseguem organizar os alunos de forma homogênea e também formar pares de alunos com facilidade. Ao ter os alunos na ordem em que eles aparecem na tela (por exemplo "converse com a pessoa à sua esquerda para compartilhar a resposta"), os professores podem formar pares sem ter que fazer muitas salas simultâneas, o que economiza tempo e possibilita a formação de diversos pares.

Principais impulsionadores em relação a uma aprendizagem eficaz:

Conectado socialmente

Aprendizagem e colaboração com pares

Envolvendo-se ativamente

Opções e escolhas

Por quê

Think pair share é uma estratégia popular e eficaz que os professores usam frequentemente presencialmente que encoraja a discussão entre colegas e dá a todos os alunos a chance de compartilhar. Ela é feita ao, primeiro, fazer uma pergunta à turma e dar tempo para os alunos pensarem de forma independente sobre a resposta. Após terem chegado à própria resposta eles, em seguida, compartilham-na com o parceiro ao seu lado. Finalmente, o professor chama alguns dos alunos para compartilhar suas respostas com a turma inteira.
 Em uma sala física, os alunos, normalmente, se sentam de uma maneira que facilita para que o professor peça aos alunos que conversem com alguém que está ao lado deles. Em um espaço remoto isso é diferente, já que o aluno não está fisicamente sentando ao lado de nenhum dos seus colegas. Para resolver este desafio, os professores podem criar um gráfico de assentos virtuais ao reorganizar a ordem dos participantes no Zoom e, sendo o anfitrião, o professor pode fazer isso de maneira que os alunos vejam na mesma ordem.

O recurso:

Como alterar o layout de vídeo

Os professores podem alterar a ordem dos participantes na tela ao clicar e arrastar o
mosaico dos participantes, movendo-o para onde desejar. Sendo o anfitrião, o professor também pode fazê-lo para que todos os participantes exibam sua ordenação (encontre este recurso clicando em Visualizar). Ao fazer isso, todos os alunos têm o mesmo gráfico de assentos virtuais para consultar durantes as atividades, apresentação, etc, do mesmo jeito que seria em um cenário presencial.

A implementação

Peça os alunos para refletir e compartilhar suas respostas com os colegas e a turma, usando o Think pair share virtual. Passos para implementar essa estratégia inclui:

  • Ordenar os alunos na ordem que os professores gostariam, à medida que os alunos acessam a sala Zoom.
    • Após todos os alunos terem acessado, clique em Visualizar e habilite Siga a ordem do vídeo do anfitrião.
  • Pré-visualizar a atividade. Compartilhe as expectativas para a atividade e os passos para conclui-la, assim que começar:
    • Pense: os professores farão uma pergunta aos alunos e darão tempo para eles pensarem de forma independente e em silêncio sobre a resposta
    • Par: os alunos, em seguida, compartilharão a resposta com um parceiro pelo chat ou em um documento colaborativo, caso o chat privado não esteja habilitado para o aluno
    • Compartilhar: os professores chamarão alguns alunos para eles compartilharem suas respostas ou a do
      parceiro
  • Apresente quem são os parceiros para o Think pair share. Nas primeiras vezes fale quem são os parceiros em voz alta, dizendo que o estudante no alto à esquerda tem como parceiro o aluno à sua direita. Pergunte se alguém não sabe quem é o parceiro dele e em caso afirmativo, diga quem é o parceiro. É divertido também trocar os parceiros regularmente para garantir que todos os alunos consigam encontrar e conectar.
  • Instrua os alunos sobre como eles compartilharão suas respostas com os parceiros. Os alunos podem enviar a resposta para seu parceiro usando o chat privado. Caso o chat privado esteja desativado, crie uma maneira alternativa para que os alunos compartilhem suas repostas com os colegas de turma. Por exemplo, crie um Google Doc com um gráfico, no qual cada grupo de parceiros tenha uma célula e os alunos possam escrever em suas respectivas células. Os alunos também podem escrever suas respostas em um quadro de discussão do Sistema de gestão de aprendizagem (LMS) ou em um sistema de mensagens. Mantenha a ordenação para economizar tempo e para que os alunos saibam quem são seus parceiros.
  • Traga todos os alunos de volta e chame alguns dos alunos que ativarão o áudio para compartilhar aquilo que ele e o parceiro discutiram. Os professores também podem pedir que outros alunos compartilhem com todos no chat de grupo.

Observação: os alunos podem não ter exatamente a mesma visualização que os professores porque suas telas podem não mostrar o mesmo número de pessoas, então evite ter pessoas que falem com a pessoa acima ou abaixo deles, já que isso pode variar de dispositivo para dispositivo.

Desenvolvido com